IndústriaNotíciasVideo MarketingYoutube

A revolução dos anúncios In-program em vídeo

O que são anúncios In-Program em vídeo? ( In-Program Video Ads)

São anúncios que aparecem aquando da reprodução de um vídeo e estão diretamente relacionados com o que está a ser apresentado. Por exemplo no vídeo aparece um personagem a conduzir um carro da marca BMW, incorporado no vídeo aparece uma “janela pop-up” clicável para as pessoas que quiserem saber mais sobre aquele mesmo carro.

À partida parece que este anúncio é programado e pensado, mas a inovação aqui consiste em que estes anúncios sejam “automáticos” no sentido em que não serão sempre os mesmos e até dependerão de quem está a visualizar, relacionado sempre com o que está a ser apresentado de tal forma que não se trata de um anúncio invasivo. A isto se chama contextualização.

watchwith

Contextualização dos anúncios

“Conteúdo é Rei, mas contextualização é Deus”, esta frase dita por Gary Vaynerchuk retrata bem o potencial que este tipo de anúncios tem. Ao mesmo tempo que estamos a ver um conteúdo em vídeo no qual prezamos e sem qualquer interrupção aparece um anúncio não invasivo, que se despertar interesse podemos “clicar” para obter mais informações (o que é, onde comprar). Esta contextualização garante um retorno gigantesco para o anunciador, uma vez que dá garantias que o “clique” foi propositado e do total interesse do espectador.

 

Vantagens dos anúncios In-Program

Os anúncios de TV tradicionais, a publicidade invasiva e interrupção por causa de publicidade não vai terminar, mas a sua ineficácia é tão latente que os anunciantes deixarão de investir e provavelmente o preço irá descer.

A procura na eficácia dos investimentos publicitários e a procura de resultados levará a apostar em alternativas como os anúncios In-program em vídeos.

Para cada vídeo são gerados metadados que definirão “matematicamente” o vídeo e com base na combinação entre palavras chave, estatísticas, o espectador, o local de visualização…. é escolhido o anúncio a apresentar que aparece em forma de “overlay” mas que não interrompe o conteúdo. Estes metadados trabalhados são um poder incontornável, que darão ao vídeo a capacidade de inteligência artificial.

 

Startup Watchwith

Nesta área há já uma empresa que se destaca através dos seus produtos e dos seus algoritmos Watchwith. A Watchwith é uma startup que quer implementar o conceito de anúncio In-Program, para isso conta com algoritmos que estão a ser desenvolvidos, e também com muito dinheiro, uma vez que recentemente receberam uma ronda de investimento para fazer crescer a empresa.download

A Watchwith quer implementar o conceito não só no vídeo online mas também nas TV’s, nomeadamente os canais de TV’s com capacidade digital e interativa. Alguns dos seus clientes já incluem a Fox, NBC, Universal e a Viacom.

Esta startup advoga que as suas soluções permitem aos anunciantes contar estórias contextualizadas com o conteúdo através da interatividade, envolvendo mais a audiência. E é aqui que a magia acontece, um impacto positivo por parte dos espectadores às marcas.

 

Youtube (Sponsored Cards)SponsoredCards

A pergunta que se faz neste momento é, os gigantes do vídeo online já implementaram este novo conceito de anúncio? A resposta é sim. O Youtube tem a funcionalidade “Sponsored Cards” – cartões patrocinados, significa isto que em qualquer vídeo que esteja na plataforma Youtube possa ser exibido “cartões patrocinados”. A ideia é a mesma, ou seja, estes cartões não serem invasivos, aparecerem de forma contextualizada com o conteúdo e obviamente estes anúncios são escolhidos através de um algoritmo que relaciona os metadados associados à experiência.

 

Exemplo anúncio In-Program

Sobre o Autor: Marco Neiva é um entusiasta dos novos media, especialista em vídeo marketing, desenvolve estratégias para aumentar a presença online através do vídeo, é responsável por vários projectos, como o VidYou Festival, Interface Virtual e Videografar. É fundador da Hypercube – Immersive Media Agency, que presta serviços de vídeo marketing e vídeo online.
Previous post

TOP 20 Vídeos Portugueses mais visualizados no YouTube em 2015

Next post

9 Dicas sobre vídeo no Facebook

marconeiva

marconeiva